Fotógrafo retrata realidade de cachorros consumidos como carne na Indonésia

As fotos de Eko Siswono Toyudho estão rodando o mundo após ele ter conseguido entrar em um abatedouro de cachorros na Indonésia e retratado como esses animais são abatidos e depois servidos em curries, prato típico do sul e sudeste asiáticos.

O fotógrafo contou que os cães são comprados por um valor equivalente a no máximo R$60, acorrentados e alimentados com arroz em uma "casa de quarentena". Ele testemunhou cachorros sendo espancados até a morte com um martelo e deixados para trás sangrando até morrer, depois picados e servidos em restaurantes.

Apenas no restaurante onde ele tirou as fotos, entre três e seis cachorros são abatidos a cada dia.

Veja com seus próprios as fotos de Toyudho clicando aqui.

Ou aperte o play para ver como funciona a produção de carne de cachorro (em inglês):


É chocante pensar que animais afetuosos e inteligentes como cachorros, que tanto amamos, são tratados dessa forma em alguns lugares. No entanto, esses são os hábitos de cada país, e a nossa cultura faz o mesmo tipo de crueldade contra animais tão espertos e amorosos quanto os cães. Dá uma olhada:


Essa porca filmada em uma investigação brasileira da Mercy For Animals também passou sua vida toda confinada em uma gaiola pouco maior que seu próprio corpo, sem poder sequer se deitar confortavelmente.


Esse boi também foi alvo de uma dolorosa marretada.


Esse porco também levou uma marretada, e isso ainda foi feito na frente de todos os demais, deixando-os apavorados.


Esse porco também foi deixado sangrando sozinho até morrer.


E esse também.


Se é doloroso ver imagens de cachorros confinados, o que dizer das galinhas poedeiras, exploradas para produção de ovos, que nunca veem a luz do sol e sequer podem abrir suas asas por causa da superlotação nas gaiolas?

Cada um de nós não pode mudar os hábitos de outros países para salvar os cachorros, mas está em nossas mãos, todos os dias, deixar carne, leite e ovos fora de nosso prato para dar uma vida digna a tantas vacas, porcos, galinhas e peixes cruelmente explorados pela indústria.

Clique aqui se você quer fazer parte dessa mudança pelos animais, e baixe nosso Guia Vegetariano Gratuito.