Entenda como a Mercy For Animals trabalha para acabar com o confinamento de galinhas em gaiolas na indústria de ovos

A Mercy For Animals faz parte da OWA (Open Wing Alliance), uma coalizão global que luta para banir, em todo mundo, a terrível prática do confinamento de galinhas em gaiolas na indústria de ovos.

Desde 2016, o departamento de políticas corporativas da Mercy For Animals Brasil, assim como outras organizações de proteção animal, atua nessa frente, entrando em contato com as maiores empresas do país para pedir que anunciem o compromisso de proibir o uso de ovos provenientes de galinhas confinadas em gaiolas em suas cadeias de suprimentos. Os comprometimentos de cada empresa têm o potencial de impactar milhares de animais, reduzindo drasticamente seu sofrimento na indústria de ovos.

A partir do momento que publicam seus compromissos, as empresas têm um tempo para completar a transição para utilização exclusivamente de ovos de galinhas livres de gaiolas. A maioria dos prazos assumidos é entre cinco a oito anos, mas muitas já anteciparam o período para completar a transição para 2019 e 2020. Este prazo é uma diretriz mundial, alinhada entre todas as organizações participantes. É o tempo necessário e suficiente para que discutam as mudanças com seus fornecedores, se adaptem e façam, gradualmente, a transição para o sistema livre de gaiolas.

A Mercy For Animals age de forma transparente e responsável, sempre à disposição das empresas para auxiliá-las nos anúncios dos compromissos. O objetivo é trabalhar de forma colaborativa, mas algumas empresas preferem não priorizar o assunto e continuam a comercializar e utilizar ovos provenientes de fornecedores que utilizam as piores práticas da indústria. Por este motivo, são lançadas campanhas, informando aos consumidores sobre as empresas que ainda não se comprometeram a proibir o confinamento de galinhas em gaiolas em suas cadeias de suprimentos.

Estas campanhas de conscientização pública têm o objetivo de levar informação aos consumidores para que todos possam fazer escolhas mais conscientes. A Mercy For Animals é a maior organização do mundo focada na proteção e na defesa de animais considerados de consumo e tem o dever de expor as brutais condições de tratamento que esses animais recebem e de apontar quais empresas estão trabalhando para ajudar a acabar com as piores práticas da indústria e quais não estão.

A Mercy For Animals atua há 20 anos na causa animal e segue diretrizes internacionais, que orientam todas as nossas campanhas. Assumindo o compromisso de acordo com os padrões aceitos por várias organizações em todo mundo e pela OWA, empresas têm o poder de ajudar a transformar a vida de milhões de galinhas que vivem em extremo sofrimento na indústria de ovos.

Ao todo, mais de 100 empresas já anunciaram políticas nesse sentido aqui no Brasil, entre elas McDonald's, Burger King, Subway, Spoleto, Forno de Minas, Unilever, Danone e Nestlé. Em agosto de 2018, o Grupo Carrefour, líder do varejo no Brasil, tornou-se a primeira rede de supermercados a anunciar o compromisso de não mais comercializar ovos de galinhas confinadas em gaiolas para suas operações brasileiras. Em seguida, o Grupo St. Marché, a Cia Beal de Alimentos (dona das marcas Festval e Beal), Walmart, Rede Zaffari & Bourbon e Makro também divulgaram suas políticas.

Peça às empresas Grupo Pão de AçúcarCondor e Bella Capri que anunciem compromissos nesse sentido! Clique nos links e assine as respectivas petições. E, para ajudar o departamento de Políticas Corporativas, entre para o time de Heróis pelos Animais. Clique aqui e saiba como.

A melhor forma de ajudar os animais é deixando os ovos e todos os produtos de origem animal fora do prato.